UTFPR e Prefeitura definem detalhes da nova Usina do Conhecimento

Foto de: Divulgação

Em reunião com o reitor da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Marcos Flávio de Oliveira Schiefler Filho, e demais integrantes de sua comitiva, a administração municipal consolidou o repasse do imóvel da península do Parque Ecológico Diva Paim Barth para a instituição. A intenção da UTFPR é transformar o prédio, atualmente sem utilização, em um centro para diversas atividades ligadas à educação e fomento às novas tecnologias. O encontro aconteceu na sala de reuniões do Gabinete do Prefeito nesta quinta-feira (04).

Continue a leitura depois do anuncio.
$ads={2}


 prefeito Beto Lunitti, criar espaços para o encantamento dos estudantes é uma das premissas do atual governo municipal. O gestor toledano aproveitou para apresentar diversos avanços em relação à educação desenvolvidos pela Secretaria Municipal de Educação (Smed), a partir da Rede de Proteção ao Educando, que envolve diversas frentes, tendo como carro-chefe o Aluno Conectado, programa que disponibiliza internet de qualidade para todas a rede municipal, tablet’s para os alunos, salas de aulas equipadas com televisores inteligentes, laboratórios de robótica e informática com impressoras 3D e notebook’s para os professores. 

Sobre a doação, Lunitti pediu à Universidade que o utilize de forma dinâmica, orgânica e participativa. “É uma área nobre, no nosso principal ponto turístico, e nós não gostaríamos que fosse um espaço administrativo somente. Queremos que a comunidade se enxergue ali. Vocês [UTFPR] tem credibilidade e queremos que o toledano se aproprie e olhe para a Universidade vocês como uma instituição nossa, de Toledo”, comentou. 

Diante da fala do prefeito toledano, o reitor Marcos Flávio se comprometeu a transformar o local num ambiente de educação transformadora. “Será realmente uma ‘Usina do Conhecimento’. Queremos trabalhar as necessidades locais. O espaço é de destaque para os toledanos, seremos parceiros e não mediremos esforços para atender este desejo. Vamos trabalhar as necessidades locais e consolidar nossa presença em terras toledanas”. O reitor ainda acrescentou que o trabalho feito pela educação de base em Toledo já é conhecido, pois reverbera por todo o estado e até fora dele.

Para a secretária de Educação de Toledo, Marli Gonçalves Costa, o projeto vem ao encontro dos propósitos da Smed. “É bom ver que estamos alinhados com uma instituição de ensino superior que é referência para todo o estado. Estamos felizes com a receptividade e parceria que sempre tivemos com a UTFPR, em especial no trabalho com nossos professores e professoras”, disse. 

Bastante feliz com o momento, o diretor do campus da UTFPR em Toledo, Elder Elisandro Schemberger, reafirmou os compromissos da instituição com a transformação das vidas a partir da educação. “Eu sou filho de trabalhadores, uma diarista e um mecânico, e se hoje estou em reunião com o prefeito de um município como Toledo é porque a educação mudou minha história. Educação é libertadora e transformadora”. Elder ainda acrescentou que o projeto para a nova Usina do Conhecimento é algo que perpassa gestões. “Se iniciou com o Rodolfo [Eduardo Vertuan], diretor que me antecedeu, e continuará com os que virão depois de mim, pois é algo grandioso e fará a diferença na vida de muitas pessoas”, concluiu.

Presença do Legislativo - O ato contou também com a presença de representantes da Câmara Municipal. O presidente da Casa, vereador Leoclides Bisognin, no ato acompanhado do vereador Rodrigo Souza, enalteceu o relacionamento da administração municipal com as instituições de ensino superior. “Em Toledo existe uma valorização das universidades e faculdades. As relações são estreitas e existe um interesse do gestor em aproveitar o conhecimento produzido por seus acadêmicos em favor da população”. Bisognin acrescentou que o poder legislativo será sempre parceiro das iniciativas voltadas à educação. 

A nova Usina do Conhecimento - De acordo com o professor da UTFPR e diretor executivo do Projeto, Rodolfo Eduardo Vertuan, o espaço será um local para divulgação científica e tecnológica, educação e educação empreendedora. A finalidade é promover ambientes e situações propícias à disseminação de conhecimentos científicos e tecnológicos e ao desenvolvimento de práticas que impactem os desafios da comunidade toledana, envolvendo diferentes entidades, como a própria Prefeitura e suas secretarias e outras instituições de ensino. 

De acordo com a apresentação do professor, a intenção é encantar crianças e os jovens das escolas municipais, estaduais e privadas de Toledo e região em relação à ciência, à tecnologia e à inovação. “Também receberemos acadêmicos em um projeto de atendimento à comunidade, serão preparados para divulgar tecnologias inovadoras e experimentos científicos de diferentes áreas do saber, bem como para realizar atividades com os “jovens cientistas” visitantes do espaço. Essa ação será contínua na Usina do Conhecimento”, disse.

Entre as atividades acontecerão visitas escolares programadas, atividades com iniciação científica, ações sobre educação financeira e empreendedora, trabalhos com professores e metodologias ativas e a possibilidade de jovens incubarem sua empresa e ter assessoria especializada para isso. A obra está orçada em aproximadamente R$ 1,5 milhão. O projeto foi concebido pela UTFPR e o processo licitatório deverá ser iniciado ainda neste ano.

Participe do nosso grupo no whatsapp: 
Receba as notícias em primeira mão!

Fonte: Assessoria
Postagem Anterior Próxima Postagem
original original original original
close