original

Público apto a receber reforço de vacina contra a COVID-19 é ampliado em Toledo


Foto de: Assessoria de Imprensa

O reforço da vacina contra a Covid-19 já pode ser aplicado em pessoas com mais de 18 anos de idade que tenham recebido a segunda dose dos imunizantes desenvolvidos por Pfizer, AstraZeneca e Sinovac há mais de 5 meses. Com isso, amplia-se o público-alvo desta fase da campanha, antes restrito a profissionais de saúde e população em geral com mais de 60 anos de idade, e o intervalo entre as doses acaba sendo reduzido em um mês. 

 



Continue a leitura depois do anuncio.

Esta autorização consta na Nota Técnica nº 59/2021 emitida nesta quarta-feira (17) pelo Gabinete da Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19 do Ministério da Saúde (Secovid/GAB/MS) e reforçada ontem por meio do Memorando Circular nº 230/2021, do Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis da Coordenação de Vigilância Epidemiológica do Departamento de Atenção e Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado de Saúde (DVVPI/CVIE/DAV/Sesa).

 

Força-tarefa

As pessoas que se enquadram neste perfil podem aproveitar a força-tarefa de aplicação de segundas doses dos adolescentes de 12 a 17 anos que se iniciou nesta quinta-feira e prossegue até segunda-feira (18 a 22). O trabalho está sendo realizado todos os dias das 8h às 20h no Ginásio Hugo Zeni, nos Centros da Juventude do Coopagro e do Europa, e no Centro de Revitalização da Terceira Idade (Certi) da Pioneira - em razão deste esforço concentrado, as salas de vacinação de todas as unidades de saúde permanecerão fechadas nestes cinco dias.

 

Quem tomou a primeira dose até 24 de setembro, já pode comparecer aos pontos de imunização com documentos pessoais com foto, comprovante de residência com endereço de Toledo e carteirinha de vacinação em mãos para receber a segunda dose vacinal. Para os menores de 18 anos, é necessário ainda estar acompanhado de responsável legal, que também deverá levar documento de identidade com foto. “Nossa equipe está de braços abertos para atender também aqueles que têm 12 anos ou mais que não receberam nenhuma dose da vacina. Quanto mais pessoas estiverem protegidas, mais rápido conseguiremos ficar livres da pandemia”, destaca o diretor-geral da Secretaria Municipal da Saúde, Fernando Pedrotti.


Fonte: Prefeitura de Toledo



Postar um comentário

Obrigado!

Postagem Anterior Próxima Postagem
close