original original

Mais de 150 ciclistas percorrem 41 km no Pedala Paraná etapa Toledo

Foto de: Divulgação

Neste domingo (28), foi realizada em Toledo mais uma etapa do Programa Pedala Paraná, cuja ciclorrota teve início e fim no distrito de Concórdia do Oeste. Foram mais de 150 ciclistas que fizeram um percurso de 41 km, com mais de mil metros de altimetria, passando por Real Santo Antonio, Dois Irmãos e Dez de Maio, além de Concórdia do Oeste. O programa é uma realização do Governo do Estado por meio da Superintendência do Esporte, em conjunto com outros órgãos. A etapa em Toledo tem parceria com a Secretaria de Esportes e Lazer (Smel) e é uma entre outras 80 ciclorrotas previstas no Paraná.

Continue a leitura depois do anuncio.

A rota foi elaborada por profissionais da Smel, e recebeu demarcações para auxiliar os ciclistas no trajeto, além de instalações de totens com equipamentos para encher pneus e ferramentas para manutenção de bicicletas. Um veículo pick-up da Smel acompanhou os ciclistas durante todo o trajeto e efetuou eventuais resgates de participantes e bicicletas que pararam no caminho. A etapa do programa em Toledo foi uma conquista da secretária de Esportes e Lazer, Marli Gonçalves Costa, em uma visita ao Superintendência do Esporte do Paraná em Curitiba, onde também fez solicitações de outros programas para o município. 

Marli explica que os totens que foram instalados, juntamente com os equipamentos e ferramentas, irão permanecer nos locais definitivamente e configuram uma conquista para os ciclistas que andam no local. “Toledo é reconhecidamente um município que vive a prática da bike. Então nós temos essa preocupação em fazer com que as rotas do município sejam bem exploradas, com segurança e toda sinalização, porque é uma das práticas esportivas mais realizadas no município”, ressalta a secretária, agradecendo a presença do superintendente do Esporte no estado, Hélio Wirbiski, no evento em Toledo.

A técnica desportiva da Smel que coordenou o planejamento do evento em Toledo, Sandra Beatriz Schossler, explica que a equipe vem fazendo a preparação há vários meses, pois envolve o mapeamento da rota e procurar alternativas para o trajeto. “Acredito que este percurso seja um dos mais bonitos da região. O ciclista explora e promove muito essa questão do interior. A modalidade que mais divulga o interior hoje são os ciclistas através das mídias sociais. Eles têm um papel fundamental em mostrar o que é Toledo”, destaca Sandra.

Um dos grupos de ciclistas que marcaram presença no evento foi o Bike Terapia Toledo, com as ciclistas Edirlene, Rejane, Vanessa e Zélia. Elas pedalam todos os finais de semana e já percorreram trajetos semelhantes ao atual, mas contam que estão com expectativa bem grande para os 41 km do Pedala Paraná. “A altimetria é de mais de mil metros no percurso, por isso era preciso estar preparado psicologicamente para o que viria, mas acreditamos nas nossas pernas. [O evento] É um incentivo para quem está começando a pedalar e se motivar porque não tem custo e é aberto para quem quiser participar”, comentam.

Elas acrescentam que o apoio da Prefeitura e do Governo do Estado é fundamental para a conscientização dos motoristas quanto à segurança dos ciclistas que trafegam na mesma via. “A gente que está na estrada, corremos o risco. E com este apoio do poder público sentimos que estão cuidando da gente”, finalizam as ciclistas.

Fonte: Assessoria



Postar um comentário

Obrigado!

Postagem Anterior Próxima Postagem
close