original

Familiares 'festejam' em velório de idoso em Londrina

Foto de: Redes Sociais


Continue a leitura depois do anuncio.

Um velório inusitado aconteceu nesta terça-feira (9), na Capela Mortuária da Administração dos Cemitérios e Serviços Funerários de Londrina (Acesf), cidade do Norte do Paraná. Os familiares realizaram o último desejo de um médico, que seria fazer uma festa em seu velório.

O homem ficou alguns dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas, infelizmente, não resistiu. Ele lutava contra um câncer. 

Antes de partir, o médico sugeriu aos seus familiares que fizessem algo festivo em sua cerimônia fúnebre. 

Então, os parentes colocaram uma máquina de chopp e caixas de som para "festejar" e homenagear o homem. 

Eles fizeram um convite para as pessoas eram mais próximas do idoso. “Iremos comemorar os ensinamentos que ele nos deixou, como amigo, médico, pai, ser humano, etc. Felicidade é o resumo. Vamos festejar mais esse momento da vida dele, obrigado por tudo, nosso ídolo!”, informava o comunicado.

Um homem fez um pedido inusitado aos seus familiares e amigos. Marcos Santos, mais conhecido como "Marcão", foi submetido a um procedimento cirúrgico na vesícula, porém, o motorista de aplicativo sofreu complicações. Ele não resistiu.

Entretanto, antes de ir para a sala de cirurgia, ele pediu aos seus familiares e amigos que fizessem uma "festa" durante seu velório. Marcão foi sepultado na última terça-feira (26) em Cuiabá, Mato Grosso.

Ele fazia parte de um grupo em um aplicativo de mensagens com cerca de 120 pessoas e, em um áudio enviado a um amigo, prometeu cerveja para os colegas desse grupo.

Marcão disse na mensagem que estava indo para a cirurgia e alega que se não resistisse era para o amigo organizar o velório, com cerveja e festa. "Falei com a Simone [mulher dele], pode dar uma 'merda', porque cirurgia é cirurgia, né. Mas já deixei autorizado, o grupo tem 120 participantes, então são três Heineken para cada um, para começar. Tem que fazer aquele cortejo bonito também, com bastante bagunça", diz.

No momento do enterro, o grupo se reuniu em volta do caixão e cantou a música 'Coração Cachorro'. Além disso, eles fizeram um brinde e derramaram cerveja na cova dele.


Fonte:G1



Postar um comentário

Obrigado!

Postagem Anterior Próxima Postagem
close