original

Cadeirante que voltava de visita ao túmulo do filho assassinado morre atropelado no interior do Paraná

Foto de: PRF

Um cadeirante, de 56 anos, morreu atropelado por um carro na tarde de domingo (7), no perímetro urbano de Francisco Beltrão, sudoeste do Paraná, de acordo com o Corpo de Bombeiros.




Continue a leitura depois do anuncio.

Três jovens, com idade entre 19 e 21 anos, estavam no veículo, que capotou após o atropelamento. Eles tiveram ferimentos leves e foram encaminhados ao Pronto Atendimento (PA) municipal. A Polícia Civil vai investigar o acidente.

Segundo testemunhas, Gilmar Pelegrini costumava fazer o trajeto ao cemitério diariamente, para visitar o túmulo do filho, assassinado em março deste ano.

A mulher de Gilmar ficou em estado de choque no local e precisou ser atendida pelos bombeiros.

Sobre o crime contra o filho de Gilmar, a Polícia Civil informou que continua com as investigações do caso e não descarta que ele tenha sido vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte).


Fonte: G1



Postar um comentário

Obrigado!

Postagem Anterior Próxima Postagem
close