Conheça o novo colunista do Plantão Toledo, Leandro Crestani





Me chamo Leandro Crestani, tenho 34 anos, sou Doutor em História Contemporânea e Pós-doutor em História. Atuo como professor na Educação Básica e no Ensino Superior.

Continue a leitura depois do anuncio.

  Qual o futuro da Educação Pública no pós-pandemia?

A pandemia do COVID-19 mostrou a necessidade de investimento em infraestrutura tecnológica na educação pública, infelizmente só "percebido" durante a pandemia pelos governantes. É necessário, uma urgente revisão e adequação do atual modelo de educação mediada por tecnologia nos Colégios, Escolas e Centros Municipais de Educação Infantil - CMEIs. Ou melhor, a necessidade de colocar em prática o que está previsto no Plano Nacional de Educação e principalmente nos Planos Municipais de Educação!

O futuro da Educação Pública no pós-pandemia (e deveria ser pensando ainda durante a pandemia) é através do desenvolvimento de políticas públicas efetivas, aumento dos subsídios, capacitação profissional e garantia de acesso igualitário aos estudantes e professores principalmente com as novas tecnologias.

São caminhos que se mostram fundamentais para o presente e para o futuro da educação e que emergem de forma ainda mais incisiva em função do atual contexto pandêmico. É preciso planejamento, para reduzir de forma urgente as desigualdades educacionais que sugiram durante pandemia para os “info-excluídos” (sem acesso a equipamentos tecnológicos ou internet).

Contudo, um dos aspectos mais relevantes que é preciso reconhecer, é a persistência e o idealismo dos professores nesse contexto, que se mostraram prontos e dispostos a desempenharem seu papel com coragem e otimismo, mesmo frente a desafios os quais, muitas vezes, estiveram fora do seu controle imediato.

A Educação Pública tem futuro! Só é preciso que os governantes vejam a educação como elemento de "desenvolvimento da sociedade". É necessário investir na Educação! Afinal, não se faz uma educação de qualidade somente com discursos utópicos. Precisamos de investimentos urgentes para o desenvolvimento educacional no pós-pandemia.

 

Leandro Crestani

 


Postagem Anterior Próxima Postagem