PM é acionada após criança de 10 anos ser abusada pelo padrasto em Palotina

Foto de: Divulgação.

A Polícia Militar foi acionada na noite de ontem, pois uma criança corria pela rua pedindo socorro, dizendo que teria sido abusada pelo padrasto, sendo amparada por um popular que informou a polícia que a menor teria dito que sua mãe e seu padastro teriam brigados e que o padastro passou a mão em sua barriga.

Continue a leitura depois do anuncio.

A equipe policial se deslocou até a residência da menor, e em contato com a mãe, a mesma relatou que teria ido a um baile na cidade de Francisco Alves com seu esposo, e ao retornarem embriagados, o mesmo teria avançado contra a menor de 10 anos com uma mangueira, quando a mesma correu pra rua pedindo socorro, e o padastro teria se evadido da residência levando sua filha de 2 anos, tomando rumo ignorado.

Em conversa com a policial feminina, a criança de 10 anos relatou que frequentemente sua mãe e seu padrasto saem e voltam embriagados, e que geralmente aos finais de semana, o padrasto exige que a mesma deite-se no sofá com ele, e então o indivíduo “passa a mão por todo corpo da menor, inclusive na virilha”. A menor ainda afirmou que a própria mãe e o irmão que também moram na residência sabem da situação, mas temem pois o rapaz ameaça “cortar a cabeça de todos e depois se matar”.

Momentos após, o irmão do indivíduo chega até a residência, pois é de costume ir até a residência acalmar os ânimos quando o casal se desentende, e informou a polícia que teria cruzado com o irmão na rodovia, pois o mesmo estaria indo até a casa de sua mãe, na área rural de Iporã. Foi realizado contato com a PM de Iporã e solicitado pra que o endereço fosse checado no intuito de localizar o rapaz e sua filha de 02 anos.

A polícia de Iporã foi até o referido endereço e conseguiu localizar a menina, sendo que a mãe do mesmo, informou que o indivíduo teria saído pra comprar cigarro e que não saberia do seu paradeiro.

Diante dos fatos, a menina de dois anos foi entregue a mãe, e a polícia segue no encalço de localizar o indivíduo.

 



Postagem Anterior Próxima Postagem