Após agredir a companheira gravida de 8 meses, homem é preso no Jardim Europa


Por volta de 18h30min deste domingo (25), uma equipe da polícia militar foi acionada na Rua Quintino Bocaiúva, Jardim Europa, pois uma mulher pedia socorro via 190 pois estava sendo agredida e o agressor tomou o telefone da mesma e jogou no chão, no local o casal estava na frente da casa e a vítima de 20 anos de idade, apontou o autor da violência doméstica.

Continue a leitura depois do anuncio.

No local, foi dado voz de abordagem ao indivíduo masculino de 21 nos de idade, que se recusou a colocar as mãos na cabeça para revista pessoal, desobedecendo por mais de uma vez ordem legal, momento em que foi necessário uso escalonado da força para detenção do mesmo, que continuo a resistir, não concordando em ser detido.

O autor se manifestava, gritando "estou sendo oprimido por esses porco vagabundo", foi então, solicitado apoio ao Copom de uma viatura com camburão pois o autor chutava a equipe e tentava morder.

Em conversa com a vítima, a mesma disse estar grávida de 8 meses, e que o pai seria o autor. Relatou ainda que o autor chegou na casa no fim da tarde embriagado e começou a discutir com ela, disse que iria embora e lhe deu vários tapas no rosto, momento em que ela ligou no 190 e o mesmo tentou quebrar o telefone jogando no chão em seguida se trancou com o filho da vítima, que conseguiu ligar novamente.

Questionamos a vítima se necessitava de atendimento médico disse que não.

O autor foi encaminhado a delegacia pelos crimes de violência doméstica, desobediência, resistência e desacato.

Fonte: Marcos Silva



Postagem Anterior Próxima Postagem