original original

Você sabe quais são os benefícios dos Exercícios na Gestação?

Foto de: Reprodução

Gestantes praticando exercícios e atividades físicas, deixou de ser tabu para se tornar realidade.

Continue a leitura depois do anuncio.

Antigamente, pela cultura ou por falta de estudos e de conhecimentos na área, pensava-se que o exercício físico só trouxesse malefícios para a gestação, o que não é verdade.

Nos dias atuais com o avanço da tecnologia, das pesquisas e do conhecimento popular percebemos um crescente aumento de gestantes buscando exercícios personalizados e praticando esportes.

Para entender um pouco mais, precisamos saber sobre as mudanças corporais de quem está grávida.

Durante a gestação pode ocorrer algumas alterações no aparelho locomotor, como a mudança do centro de gravidade, desconfortos músculos esqueléticos, mudança de posicionamento da pelve, lombalgia, aumento da lordose lombar, aumento da elasticidade ligamentar e várias outras mudanças; por essas alterações e vários outros fatores, em 2019 pesquisadores/cientistas canadenses criaram diretrizes para atividade física durante a gravidez, afim de promover a saúde materna, fetal e neonatal e indicar quais são os grupos de riscos que devem evitar exercícios, este ultimo será tema da nossa próxima coluna. 

BENEFÍCIOS 
Menor risco de:
Pré-eclâmpsia (hipertensão especifica da gravidez)
Diabetes gestacional
Cesariana
Parto instrumental
Incontinência urinária
Ganho de peso excessivo
Depressão
Glicemia alta
Dor lombo-pélvica
Existem alguns estudos que envolve exercícios na gestação, que enfatizam a importância dos exercícios focado para a musculatura pélvica como forma de prevenção à incontinência urinária.
Sabe-se que exercícios de intensidade leve a moderado promovem melhoras na resistência física, flexibilidade muscular, controle do peso, manutenção do condicionamento, além de reduzir riscos de diabetes gestacional, dentre outros benefícios.  
O exercício é fundamental para todos, porém, precisa ser prescrito por profissionais capacitados para gerar consequências positivas ao invés de negativas, principalmente para gestantes, nesse caso é importante ter um trabalho multiprofissional, entre seu personal trainer, médico (ginecologista, obstetra), nutricionista e qualquer outro especialista que lhe acompanhe.  
Em nossa próxima coluna, vou continuar falando de gestação, veremos quais gestantes não podem treinar por serem de um grupo de risco e as recomendações em relação aos exercícios. 
Até a próxima...

Dicas, informações, treinos ou assessoria de treino online/presencial, acesse minha rede social profissional.
@professorfelipegiachini




Postar um comentário

Obrigado!

Postagem Anterior Próxima Postagem
close