original

Em carta, vizinho pede a jovem para deixar de usar ‘roupas vulgares’

Foto de: Redes Sociais

Uma jovem de 22 anos ficou indignada ao receber carta embaixo da porta chamando a atenção para não usar roupas curtas. Ana Paula Benatti divulgou a carta nas redes sociais, disse estar constrangida e se sentiu ameaçada. O bilhete foi deixado debaixo da porta de Ana Paula na sexta-feira (7/5), na cidade de Maringá.

Continue a leitura depois do anuncio.

Gostaríamos que tivesse o pudor e decência de usar roupas adequadas nas dependências do condomínio. Aqui mora pessoas casadas e de várias religiões, e a senhora não está tendo o respeito usado roupas vulgar”, diz a carta.

“Não sei de onde veio, mais aqui mora gente de família. Então, por favor, dá-se o respeito, porque eu, como homem e pai de família, fiquei com vergonha de estar com minha filha e a senhora quase nua lá fora”, prossegue.

Por fim, o “pai de família” avisa que, se Ana Paula não mudar o jeito de se portar, ele irá conversar com a dona do apartamento.


Ao compartilhar o bilhete, a jovem disse se tratar de assédio e injúria. “Crimes morais. Estou totalmente abalada com o ocorrido. Tomarei as providências cabíveis”, assinalou.

Nas redes sociais muitas pessoas manifestaram apoio à jovem. Várias mensagens foram publicadas questionando o posicionamento do morador.




Fonte: Redes Sociais / Reprodução



Postar um comentário

Obrigado!

Postagem Anterior Próxima Postagem
close