original

Dois irmãos recebe atividades do Ecoponto Itinerante nesta terça-feira (18)

Foto de: Reprodução

Dois Irmãos receberá nesta terça-feira (17) as atividades do Ecoponto Itinerante. Das 8h30 às 15h, servidores do Setor de Endemias, Vigilância Sanitária e Secretaria Municipal de Desenvolvimento Ambiental e Saneamento (SMDAS) percorrerão os cerca de 100 imóveis da área urbana do distrito recolhendo móveis, eletros, eletrônicos, colchões, madeira, resíduos de podas e demais objetos que podem servir de criadouro para o Aedes aegypti.

Continue a leitura depois do anuncio.

De acordo com a coordenadora do Setor de Endemias, Lilian Konig, a ação se justifica pela alta incidência da dengue, caracterizando uma situação de surto, com quatro casos confirmados e oito sob investigação entre os quase 300 habitantes que vivem no núcleo do distrito. “A gente percebeu que em Dois Irmãos há muitas cisternas e algumas estão mal tampadas, o que potencializa a reprodução do mosquito. Como não existe estrutura de esgotamento sanitário no distrito, há também muitas fossas, local onde o inseto, pela falta de chuvas nas últimas semanas, também está deixando seus ovos. Neste caso, vamos colocar a metade de uma garrafa pet para tapar o respiro e inviabilizar o ciclo reprodutivo do Aedes”, relata. 

Há alguns dias está sendo realizada a aplicação de inseticida na região por meio de bomba intercostal e a coleta dos materiais, que serão depositados em duas caçambas do Ecoponto Itinerante, servirá para complementar as ações que já estão sendo desenvolvidas. “Nós precisamos bloquear o surto que está acontecendo naquela comunidade. Conforme visitas que foram feitas nos imóveis, percebemos que muitos moradores estão com sintomas de dengue. Passamos as orientações, pedimos para que estas procurem a Secretaria de Saúde até às 10 horas da manhã para fazer o exame para diagnosticar. Sabemos que se não controlarmos agora, a gente pode ter um grande número de pessoas doentes, talvez toda a população de Dois Irmãos”, alerta. 

Lilian observa que fichas de encaminhamentos para exames serão levadas pelos agentes de endemias que estarão em campo a pessoas que estejam com sintomas de dengue. “O sucesso do Ecoponto Itinerante depende da colaboração da comunidade. Pedimos que os moradores nos mostrem onde está o problema, pois eles conhecem onde os focos estão. Por isso, é importante que todos abram as portas dos seus imóveis e deixem nossas equipes trabalharem”, salienta.

Fonte: Assessoria



Postar um comentário

Obrigado!

Postagem Anterior Próxima Postagem
close