Vacina da gripe está disponível nas unidades básicas de saúde

Foto de: Reprodução

Nesta segunda-feira (12) teve início a 23ª Campanha Nacional de Imunização Contra a Influenza. As vacinas estão sendo aplicadas de forma descentralizada nas salas de vacina das unidades básicas de saúde de Toledo. As unidades do Cosmo e do Panorama, que estão realizando atendimento para sintomáticos respiratório, não estão realizando a vacinação.

Neste ano, a vacinação começou com crianças (seis meses a seis anos), gestantes, puérperas (mulheres pós-parto), povos indígenas e trabalhadores da saúde. A secretária de Saúde, Gabriela Kucharski explica que a inversão de faixa etária para receber as vacinas primeiro acontece em função da vacinação contra a Covid-19. 

“Esse ano o Ministério da Saúde optou por fazer invertido, pois é necessário um intervalo mínimo de 14 dias entre a vacina da Covid-19 e a vacina da gripe, então optou-se por fazer primeiro nos grupos que não estão recebendo dose da vacina da Covid-19 e, após então, dos idosos acima de 60 anos”, explica. Entre maio e junho, serão vacinados os idosos (60 anos ou mais) e professores na segunda etapa. Por fim, ainda no mês de junho, acontecerá a terceira fase.

Continue a leitura depois do anuncio.

As pessoas com comorbidades, com deficiência permanente, caminhoneiros e trabalhadores do transporte coletivo de passageiros urbanos e de longo curso, trabalhadores portuários, forças de segurança e salvamento, Forças Armadas, funcionários do sistema de privação de liberdade e população privada de liberdade e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas serão o último grupo a ser vacinado.

Calmaria no primeiro dia:
A gerente do Centro de Saúde, Carla Campanelli, disse que o primeiro dia de campanha foi tranquilo na unidade. “Esperamos que com a divulgação do início da campanha aumente a procura. Os idosos têm procurado desde a semana passada, pois já sabem a época da campanha, porém estamos orientando eles sobre a necessidade de aguardar, pois estão fazendo a vacinação do Covid-19. Mas a busca dos demais está tranquila no momento. Tanto o Covid-19, quanto a influenza são doenças que afetam o sistema respiratório, então a vacinação também é um fator de proteção. É importante que as pessoas contempladas venham. Quanto mais imunização, melhor”, frisou a gerente. 

Fonte: Assessoria