Homem é mantido refém e tem sua caminhonete roubada em Toledo


Uma caminhonete foi roubada em Toledo na noite desta quarta-feira, segundo informações da vítima, ela relatou a Polícia Militar que por volta das 20h00 esteve no posto Corujão, que fica no final da avenida Maripá, margens da rodovia BR 467, e após trocar um cheque deixou o posto em sua caminhonete VW AMAROK de cor prata e através da rodovia atravessava a "trincheira" que dá acesso de retorno à avenida Maripá quando foi surpreendido por um veículo de cor escura, 4 portas que o fechou e do interior do mesmo saíram dois indivíduos armados que lhe deram voz de assalto.

A partir de então, relata a vítima, não ter conseguido ver quase nada pois foi obrigado a permanecer de cabeça abaixada a todo momento e a entrar no carro que lhe abordou sendo que dali os criminosos o levaram para uma área rural, que não consegue precisar o local, onde foi amarrado e ficou sendo vigiado por um dos assaltantes que usava máscara e não pôde ser identificado.

Continue a leitura depois do anuncio.

Foi roubada a caminhonete, um celular Samsung A1, R$ 2.000,00 (dois mil reais) em dinheiro e um relógio de pulso marca G Shock.

Após várias horas em meio ao mato sob ameaças de morte do indivíduo que o vigiava, a vítima disse que o homem deixou o local dizendo para que ele permanecesse ali e após algum tempo conseguiu se libertar das amarras e caminhou até a cidade.

A vítima relata que caminhou por um longo trecho no escuro razão pela qual não consegue precisar onde foi deixado, e apenas conseguiu ajuda quando já havia chegado na área urbana da cidade próximo ao motel tantra por volta da uma hora da madrugada desta quinta-feira.

Relatou ainda que após o criminoso o deixar sozinho ouviu um barulho de motocicleta o que o faz pensar que alguém veio buscar o indivíduo.

A vítima estava visivelmente abalada, mas não apresentava lesões aparentes motivo pelo qual preferiu não ser conduzido para atendimento médico sendo levado para casa por seu irmão que veio até o local do atendimento da ocorrência.

Fonte: Marcos Silva



Postagem Anterior Próxima Postagem